Louca sua miga

terça-feira, 19 de dezembro de 2017

Livro "Entre as Estrelas" - Katie Khan

LIVRO "ENTRE AS ESTRELAS"

O ENREDO DO LIVRO

Com uma guerra entre os Estados Unidos e o Oriente Médio que custou muitas vidas, a Europa se transformou na Europia, uma sociedade que defende a igualdade entre as culturas. A cada três anos, as pessoas se mudam para que todos possam conhecer uma diversidade de lugares e pessoas criando assim uma empatia e afeição. Como alguém iria querer atacar o lugar onde existem tantas pessoas que conhece e gosta?

Max e Carys vivem nesse mundo, onde a sociedade foi reconstruída de maneira perfeita. Não existe mais conflito entre as pessoas, todos têm oportunidades iguais de trabalharem no que quiserem e a juventude é garantida graças às Regras dos Casais. Você não precisa se estabelecer familiarmente até estar na idade de 35 anos, já que a tecnologia avançou a um ponto que ter filhos depois dos 35 não é mais um problema.

“Individualismo significa liberdade quando somos jovens, família quando somos velhos.” Página 34

Porém, Max e Carys se apaixonaram antes da idade certa. Eles sabem que não podem viver juntos até essa idade e ainda com as mudanças de residências a cada três anos. Como eles podem ficar juntos e ir contra as regras? De alguma maneira toda essa situação acabou levando os dois ao espaço. À deriva e com apenas 90 minutos de oxigênio.

“Então passamos o tempo todo fazendo piada sobre como eu a salvei, quando, na verdade, foi você quem me salvou.” Página 100.

LIVRO "ENTRE AS ESTRELAS"

NARRAÇÃO E EDIÇÃO FÍSICA

Adoro essa capa! Combina tão bem com a história! As folhas são amareladas e as letras espaçadas. O livro vai sendo feito em terceira pessoa, intercalado entre o presente (no espaço) e o passado (desde que conheceram).

O LIVRO NO GERAL

O livro de cara já começa no espaço e na situação de vida ou morte. Como Max e Carys chegaram ali? Isso ficou rondando a minha cabeça por um bom tempo e as respostas foram chegando aos pouquinhos. Assim como toda a estrutura de governo criada pela autora. Como eu não costumo ler sinopses, eu não sabia que o livro seria uma utopia!!! Eu jurava que seria uma distopia. Nunca tinha lido um livro com esse conceito antes e achei a ideia bem bacana.

O casal Max e Carys forma uma dupla perfeita e mesmo com alguma desavença ocasional, os dois se completam de maneira maravilhosa. E com os dois à deriva no espaço, tem toda a perspectiva do relacionamento deles ser muito maior e significativa. Vamos entendendo aos poucos a importância deles estarem no espaço.

No início me sentia perdida, mas depois desse melhor entendimento sobre o governo, mesmo isso não sendo o foco principal da história, conseguimos entender o conceito de toda a trama de acordo com o romance, que é o principal assunto. O livro é bem leve e com um romance delicado de se ler. Por vezes me senti na pele do casal, torcendo para tudo terminar bem tanto no passado quanto ia sabendo das coisas do presente.

Juro que estava lendo angustiada com medo do desfecho final. Queria muito saber como essa história viria a terminar e minha vontade era pular os capítulos para descobrir logo. Porém, nem tudo foi flores nessa leitura, pois as cenas finais foram um tanto decepcionantes. Achei que a autora se perdeu nessas cenas e criou uma quebra na história sem propósito. Ficou confuso e nada necessário, pois não teve nenhuma explicação de como ou por que certo fato aconteceu. Quem leu vai entender ao que me refiro. Isso para mim deu uma bela decaída na minha nota de leitura.

LIVRO "ENTRE AS ESTRELAS"
Esse foi o livro de estreia da Katie Khan e, apesar desses percalços, Entre as Estrelas é gostoso de se ler e serve como uma leitura de bom entretenimento. Espero que o Grupo Editorial Record traga mais livros da autora.

3 COMENTÁRIOS:

  1. Olá, eu acho a premissa de "Entre as estrelas" mega interessante, com essa coisa de utopia, mas tenho um receio enorme de ler e não gostar do final também.

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    A capa é realmente linda!
    Gosto de como traz este tema que parece scifi mas também tem drama.
    Uma pena mesmo o final ser um pouco decepcionante.

    Debyh
    Eu Insisto

    ResponderExcluir
  3. Olá! A capa realmente merece um comentário a parte, pois é perfeita! Que legal essa sociedade onde não há conflito e preza por igualdade! Adoro quando o livro intercala narrativas do passado e do presente! Que bom que a parte de o casal ir para o espaço é bem explicada no livro, acho que, do contrário, eu também me perderia nessa narrativa. Que pena que a autora quebrou aspectos da história ao final! É muito ruim quando você se decepciona com o final de um livro! Mas, em fim... faz parte né?
    Beijos!
    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá, escreva o quanto e o que você puder...

 
Design exclusivo | Cópia proibida © 2016