Louca sua miga

quinta-feira, 26 de março de 2015

Resenha do livro "Divergente"

Divergente - Uma escolha pode te transformar


Resenha do Livro: Divergente
Escritora: Veronica Roth
Gênero: Aventura, Ação, Distopia, Ficção Científica
Editora: Rocco
Número de Páginas: 504

A sociedade é dividida em facções: Abnegação, Amizade, Audácia, Franqueza e Erudição. Do nascimento até os 16 anos, as pessoas vivem na facção onde nasceram, depois disso são submetidas a um tipo de teste de aptidão para saber em que facção se encaixam melhor. Beatrice nasceu na Abnegação, mas o seu resultado no teste de aptidão foi inconclusivo. Ou seja, ela está praticamente apta para fazer parte de qualquer facção - o que a torna uma divergente.

Ser divergente não é uma coisa nada boa, pois o sistema não consegue controlá-los, portanto a única solução é matar todos eles.
Tris (apelido de Beatrice) guarda esse segredo de todo mundo e acaba optando pela Audácia - a facção dos corajosos, onde conhece o simpático e misterioso Quatro.
De que serve um corpo preparado se você tem uma mente confusa? [pág. 150]
~ Clique em Continue Lendo para ler a resenha completa! ~



Minha almofada é babado, né!? 

Eu vivia vendo as pessoas falando super bem do filme Divergente, mas não tinha o menor interesse em assistir. Um dia de tédio foi o suficiente para me fazer mudar de ideia. Assisti, me apaixonei e fui correndo para a livraria comprar o livro.
Vou contar um segredinho, mas não conta pra ninguém: eu gostei muito mais do filme.
O fator determinante para isso ter acontecido é a protagonista Tris. Eu achei a personalidade dela bem divergente (desculpa a piada vagabunda).


Esse é o símbolo da Audácia <3
O livro é muito bem escrito, detalhado e é tudo organizado e coerente. Porém não senti empatia nenhuma pela Tris, achando ela egoísta e até mesmo má. Mas essa impressão foi só no livro porque no filme eu a achei super legal e até prefiro Divergente do que Jogos  Vorazes. Antes que eu esqueça, preciso declarar meu amor ao Quatro (vale a pena no livro e no filme, ui!), um personagem inteligente, misterioso e sensacional. A Tris é uma garota de sorte! ;)

É isso, galera! Espero que tenham gostado! Alguém ai já foi assistir Insurgente? O que acharam?

3 COMENTÁRIOS:

  1. Na verdade, essas característica da Tris do livro, acho q foi parte importante sabe? Achei interessante.
    Gosto bastante do filme, mas estou com medo de ver o segundo agora que li todos os livros e me decepcionar :s.

    ResponderExcluir
  2. Eu achei que por ela ser Divergente, ela fosse ter mais características boas, sabe? Fiquei chateada porque frisaram que ela era altruísta, mas não consegui enxergar esse lado.
    Li algumas críticas sobre Insurgente - o filme, a maioria negativa. Vamos ver! :)

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha, mas esse é um livro que não tenho vontade de ler. Acho que o filme me decepcionou bastante e eu também não curti muito a Tris. Vi Insurgente e também não me despertou interesse. Uma pena.
    beijos.
    http://lugaaraosol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá, escreva o quanto e o que você puder...

 
Design exclusivo | Cópia proibida © 2016