Louca sua miga

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Colleen Hoover: Por que eu a amo?

Vocês já não devem aguentar mais eu falando sobre as obras de Colleen Hoover, o quanto elas são emocionantes e de tirar o fôlego. Mas, eu só falo das obras dela e nunca escrevi algo tentando fazer entender minha admiração pela escritora. E, por isso, surgiu esse post. Vou tentar escrever em poucos parágrafos o porquê de eu ter me encantado por suas histórias e suas letras. Sobretudo, por Colleen.

No Brasil, infelizmente, só temos três títulos publicados da autora, "Métrica - Slammed vol.1", "Pausa - Slammed vol.2" e "Hopeless. vol.1". Pelo menos até o dia de hoje, 11 de Agosto. Porém, Hoover possui muitas obras já lançadas no exterior para o público jovem, dentre elas "Maybe Someday" e seu recente lançamento "Ugly Love". Até agora, todos os livros que conheci da escritora são voltados para o público jovem e geralmente são New Adult's.

       

O primeiro tópico para eu me apaixonar por Colleen está aí. Ela só escreve New Adults, meu gênero "queridinho" atualmente. Mas, além de ela escrever meu gênero predileto, ela cria e não copia. Cada um de seus livros tem um elemento-chave que faz a história ser singular e se destacar do resto das publicações. Cada um também tem seus personagens marcantes, com personalidades fortes e nada semelhantes.

Clique em "Continue Lendo" para ler tudo.

Por exemplo, o mocinho da série "Slammed" não parece em nada com o de "Hopeless". E isso é muito difícil de acontecer. Os leitores mais assíduos chegam a comparar os protagonistas até de obras de autores diferentes, achando personagens fracos, clichês e cópias de outros livros... Imagine do mesmo autor! Mas, Colleen foge disso. Pelo menos nesses primeiros livros lançados no Brasil!

O tópico que acho mais importante é a emoção das problemáticas nos livros dela. A grande maioria das obras desse gênero aborda temas bobos ou surreais. Bobos nos sentidos de "um triângulo amoroso em que a mocinha sem sal tem que escolher entre dois gatos", e surreais quando "aparece um mãe louca, com distúrbios psicológicos fora do comum, que sai cortando o corpo da filha em seus surtos, enquanto a jovem tem de crescer com isso e aprender a lidar com seu emocional abalado".

Os livros de Colleen falam sobre temáticas tangíveis. Aquelas que nós podemos até imaginar em nossas vidas, aquelas que podem acontecer com qualquer um e por isso torna o enredo mais realístico. Como doença, problemas familiares, morte de entes queridos, abusos psicológicos, sexuais e verbais, má relacionamento com pessoas ao redor, adoção e todo tipo de problema fácil de imaginar, que é comum, mas a maioria dos autores não exploram. E eu não sei por que! 

"Slammed vol.1 e 2" e "Hopeless vol.1" - Colleen Hoover - Fotografia por LaGarota.com.br

Além disso, enquanto alguns New Adult's escrevem sobre um tema apenas, como por exemplo, em "Tentação sem Limites", da autora Abbi Glines, temos uma única problemática - a gravidez na adolescência - Colleen mistura uma quantidade de problemas para um único personagem enfrentar. Isso não só dá mais emoção ao livro, como também retrata um personagem corajoso e mais realístico, afinal, na vida real não temos apenas um problema para resolver, certo? São dezenas, se não centenas!

Livros de Colleen Hoover publicados no Brasil - Fotografia por LaGarota.com.br
O último tópico, mas não menos importante, é a narração! Ela consegue descrever um ambiente e um sentimento sem parecer enrolação. Sem tornar a leitura cansativa. Parece que ela sente as coisas de verdade antes de escrever! A velocidade da leitura é rápida, apesar de o livro ter tudo para ser lento. Você, com certeza, se se identifica com leituras do gênero, vai ler um livro de Hoover em poucas horas. É certo!

Em suma, os livros de Colleen são aqueles que podemos nos preparar para soltar suspiros, de alegria e tristeza, e nos preparar para boas lições de vida. As obras da autora são sempre uma ótima pedida, nenhum livro traduzido para o português brasileiro até agora pecou. São perfeitos! Algumas pessoas chegam a soltar lágrimas com suas letras.

LEIA SOBRE OS LIVROS PUBLICADOS NO BRASIL: 
 Hopeless  Métrica  Pausa
Ah! E você? Qual é aquele escritor que você baba em praticamente todos os livros que ele já escreveu?

NOTA: Se você tem algum autor predileto ou alguma ideia de postagem que você gostaria de ver aqui no blog, envie pra mim! Você pode escrever nos comentários ou enviar para meu e-mail (mar-paschoal@hotmail.com) com o título "Minha ideia para o La Garota"

7 COMENTÁRIOS:

  1. Mar, eu tbm amo os livros da Colleen! Não tem como não se emocionar lendo as estórias dela, com aqueles dramas todos e seus personagens apaixonantes ;)
    Ela tbm é uma fofa, acompanho o perfil dela no Instagram e ela é bastante simpática.
    Tbm sou pirada no Marcelo Rubens Paiva, escritor nacional, e acho que os leitores do meu blog tbm estão cansado de me ouvir falar dos livros dele, rsrsrs. Se vc não conhece, vale a pena!

    Bjos!

    http://seiqueeusei.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, fofa! Ainda não li nada da Colleen, apesar de ter Um Caso Perdido. Quero demais ler ele logo, acho que ele é meu próximo a ser lido haha. Eu gosto muito da autora Lisa Gardner, admiro muito os livros dela :)

    Beijos
    Nati

    www.meninadelivro.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Mar :)

    Eu já li Métrica e Pausa da autora e me apaixonei. A escrita dela é leve e sentimental. Lembro que fiquei tentando decorar os poemas para falar pra minha namorada (hehehe). Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. oi mar :3

    assim como você, sou apaixonada pela autora Colleen, tudo que você escreveu na postagem concordo plenamente, essa autora tem o dom! HUAEHAUEHAUE
    ainda não li Um Caso Perdido, tô muito ansiosa para a leitura ;-;

    beijos,
    ~nathália n.
    www.livroterapias.com

    ResponderExcluir
  5. Amei os livros dela. O meu primeiro do ano foi Métrica, depois Pausa, Essa Garota e Um caso perdido. Mas sabe quando você está mesmo perdidinha da silva com a escrita da autora e a história que cada um tem? Pois é, assim estou. Não vejo a hora de começar Losing Hope.

    E, amei seu blog *.*

    Não vou parar de vim aqui mais...

    beijos :*

    Hérica Costa

    ResponderExcluir
  6. Olá, o primeiro livro da Colleen que eu li foi Maybe Someday, por estar revoltada com outra autora por ter escrito um romance com um triângulo amoroso que me deixou sem dormir de tanta revolta. Compartilhei essa revolta com uma blogueira a qual eu sigo e ela me indicou Maybe Someday e disse que eu iria amar, e eu realmente amei, me acabei de chorar com esse livro, depois chorei mais ainda quando li Ugly Love que é o meu o predileto dela até agora, em seguida li Confess e a Trilogia Hopeless que é maravilhosa. E agora acabo de ler Métrica e achei a história sensacional e já estou pronta pra ler as duas restantes. Enfim, eu só quero dizer que entendo seu fascínio pela Colleen, com certeza a escrita dela é diferente de qualquer outras que já li. É leve apesar de tratar de assuntos se ríspido como no caso de Hopeless, não é entediante e repetitiva, em suma, é uma delícia ler Colleen Hoover. Obrigado por me deixar compartilhar um pouco do que eu penso. Adorei seu blog.
    PS:Adoro a Abbi também 😉

    ResponderExcluir
  7. Olá, o primeiro livro da Colleen que eu li foi Maybe Someday, por estar revoltada com outra autora por ter escrito um romance com um triângulo amoroso que me deixou sem dormir de tanta revolta. Compartilhei essa revolta com uma blogueira a qual eu sigo e ela me indicou Maybe Someday e disse que eu iria amar, e eu realmente amei, me acabei de chorar com esse livro, depois chorei mais ainda quando li Ugly Love que é o meu o predileto dela até agora, em seguida li Confess e a Trilogia Hopeless que é maravilhosa. E agora acabo de ler Métrica e achei a história sensacional e já estou pronta pra ler as duas restantes. Enfim, eu só quero dizer que entendo seu fascínio pela Colleen, com certeza a escrita dela é diferente de qualquer outras que já li. É leve apesar de tratar de assuntos se ríspido como no caso de Hopeless, não é entediante e repetitiva, em suma, é uma delícia ler Colleen Hoover. Obrigado por me deixar compartilhar um pouco do que eu penso. Adorei seu blog.
    PS:Adoro a Abbi também 😉

    ResponderExcluir

Olá, escreva o quanto e o que você puder...

 
Design exclusivo | Cópia proibida © 2016