Louca sua miga

domingo, 8 de junho de 2014

O que achei sobre o filme "A Culpa é das Estrelas"?

Para quem ainda não conhece, o que acho impossível para um terráqueo qualquer, o filme "A Culpa é das Estrelas" é uma adaptação cinematográfica de um livro escrito por John Green. Inspirado na história de Esther Earl, uma amiga que conviveu com o câncer durante grande parte de sua adolescência, John escreveu um dos livros que mais fizeram sucesso e comoveram pessoas de todas as idades nesses últimos meses. E agora seus leitores poderão ver como essa história se desenrolou, não mais apenas em letras, mas também em imagens.





























O filme foi um dos mais aguardados do ano e o que eu vi de gente postando fotografias do ingresso comprado no Instagram, Facebook, Twitter e tudo quanto é rede social não foi brincadeira! Quando eu vi tantas fotos assim, comecei a ter uma noçãozinha básica do sucesso que John Green e sua história alcançaram.

Compre o Livro por R$18,30
"A Culpa é das Estrelas" narra a estória de Hazel Grace e Gus, ambos adolescentes que enfrentam o "mau do século": o câncer. Hazel é uma adolescente pessimista, que enxerga a realidade como algo que não se pode fantasiar. Ela entende que está doente e também que logo não estará mais neste mundo. Ela simplesmente tenta ver a realidade com os olhos, e não com o coração. Enquanto que Gus prefere enfrentar a doença com tom sarcástico, sempre de bom humor, tentando ser especial para o mundo, ser um herói, mesmo com o medo de ser esquecido depois que a doença o vencer. (Compre "A Culpa é das Estrelas" por apenas R$18,30)

Para dizer a verdade, não li o livro. Eu queria muito mas com a pilha de títulos que está em minha lista, ler "A culpa é das estrelas" se tornou uma tarefa impossível. Mas ainda tenho uma curiosidade imensa de ler e ainda o farei. Então, não posso comparar a adaptação para o cinema com a obra escrita. Infelizmente! Mas, o que posso dizer é que o filme é espetacular! Sei que muitas pessoas falarão que o livro é bem melhor! E acredito realmente que seja!!! Mas, eu fico me perguntando, se com vinte minutos de filmes eu já me debulhava em lágrimas, imagina lendo cada detalhe, imaginando cada feição das personagens e me apegando mais ainda a cada um? Acredito que quando finalizasse a leitura eu sentiria um vazio imenso, como se tivesse perdido amigos reais.
Clique em "Continue Lendo" e tenha acesso ao restante da resenha!

Se você está pensando em  assistir "A Culpa é das estrelas" eu recomendo que leve lenços ou que vá com alguém que ofereça um ombro amigo para chorar, porque, sinceramente, você vai ficar com sede de tantas lágrimas! Ainda maisse for emotiva (o) como eu sou! O filme, apesar do bom humor de Gus, da amizade entre eles, os diálogos sarcásticos e engraçados, é triste. Muito triste! E pesado! Falar sobre câncer é pesado! Mas falar sobre adolescentes com câncer, que ainda nem viveram, é mais pesado ainda.

Apesar do assunto ter sido tomado como tema em muitos filmes, como por exemplo "Um amor para Recordar" (conheça aqui), que também é uma trama que desenrola com câncer em adolescentes, "A Culpa é das Estrelas" é singular porque transmite uma mensagem muito maior do que outros filmes. Eu diria que os outros emocionam sim, passam uma lição linda sim, mas não mostram a força que uma pessoa doente tem que ter para conseguir viver, não mostra como podemos ter o companheirismo de uma pessoa que também enfrenta a mesma coisa que nós, mas enxerga de outra maneira, nem mostra que o amor pode surgir em situações totalmente imperfeitas mas mesmo assim, ser perfeito.

ANOTAÇÕES FINAIS:
  • Eu queria dizer para Gus que ele foi especial sim! Que ele não foi esquecido! Que será lembrado por todos os leitores e espectadores! Não esqueceremos nem Gus, nem Hazel. Vocês foram especiais! Despertaram emoções e me fizeram refletir! Gus, você foi um herói sim! Não esquecerei a história de amor perfeita dentro de um infinito pequeno de dias.
  • Gostaria de agradecer ao meu namorado que com todo carinho reservou lugares para nós assistirmos ao filme com tranquilidade e pertinho da estreia! Sem ele, eu não teria conhecido o amor e a força de Hazel e Gus.



6 COMENTÁRIOS:

  1. Essa foi uma das melhores adaptações que eu já vi no cinema! Sério, com o John em todo processo, foi possível manter a essência do livro! Me senti assim como você e bem, levar os lencinhos é uma ótima recomendação! kkkkk

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  2. Oi Mar! O filme está muito lindo né? Faz 4 dias que eu assisti e não penso em outra coisa. haha Se der, vou ir mais umas mil vezes no cinema! Achei perfeito demais.
    Eu fiz um post no meu blog sobre o filme também. Se você puder, dá uma passadinha lá. :)
    http://naproximapagina.blogspot.com.br/2014/06/paginas-vs-frames-culpa-e-das-estrelas.html
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  3. Oi Mar, tudo bem?

    O filme é incrível mesmo, mas ele não é inferior que o livro não, esse é um dos raros casos em que ambos são ótimos. Acho que o filme é mais sentimental, não que eu não tenha chorado com o livro, mas ver o filme foi ainda pior: ver o Gus nas telinhas acabou comigo. Em vinte minutos também estava chorando, rsrs

    E concordo contigo, até escrevi isso na resenha do livro, o Gus não vai ser esquecido, não mesmo.

    Beijos,

    Pah - Livros & Fuxicos

    ResponderExcluir
  4. Assista e baixe o filme aqui ---- > http://boifilmes.com/a-culpa-e-das-estrelas/

    ResponderExcluir
  5. Ola,
    Estou desenvolvendo meu tcc sobre blogs literários e o seu blog foi um dos selecionados para a pesquisa. Enviei um e-mail para o endereço do blog com o título: "Pesquisa: Blogs literários como ferramenta de mediação de leitura" explicando algumas coisas, assim que poder dá uma olhadinha lá.
    Obrigada e abraços!

    ResponderExcluir
  6. Oi Mar, olha quem veio te vistar! Eu! kkk , cara não li o livro e ainda não vi o filme ouvi muito comentários de gente dizendo que nao chorou e que por todos dizer que choram se tornou meio que uma pressão pra se chorar em algum momento , daqueles: "tipo, é agora que devo chorar?" mas enfim não posso dar meu parecer pessoal mas pretendo ver e ler em breve .

    beijos gata


    Obs: to de cantinho novo:
    http://jessicacharlanie.blogspot.com

    ResponderExcluir

Olá, escreva o quanto e o que você puder...

 
Design exclusivo | Cópia proibida © 2016