Louca sua miga

quarta-feira, 27 de junho de 2012

{Vestibulanda #1} : Cursar Jornalismo ?

Durante o primeiro e segundo ano do Ensino Médio minha cabeça assentia todas as vezes quando se deparava com a pergunta " Você já escolheu qual curso prestar para o vestibular?" . Minha boca, automaticamente e vezes cansada de repetir sempre , respondia: _ Jornalismo!
E agora no terceiro ano faltando poucos meses para o resultado final  a pessoa que nunca me perguntou isso agora o faz: Eu mesma. E simplesmente não sei mais o que responder.
É certo que esse ano é difícil e tem muita gente que não sabe o que fazer. E como há gente perdida! Mas no meu caso o que vigora é o medo. Aquele frio na barriga de ser mal sucedida  e ter que ouvir da sua família "Eu te avisei para tentar medicina, ou direito..." ou qualquer curso que eles saibam que você nunca teve vocação, mas dá dinheiro...Então serve . Não importa se você for infeliz profissionalmente.
O meu sonho mesmo era ser jornalista, ou talvez publicitária, ou talvez... É , eu sou indecisa . Agora eu estou , eu nunca fui. Mas é que muita gente dá informação demais, opiniões tão contrárias que para um adolescente sem experiência, e que ainda flutua em dúvidas sobre futuro ou profissão , se torna um dilema de vida.
O fato é que " Eu vou prestar vestibular na UERJ para Jornalismo , e se eu for mal sucedida ou se meu trabalho for terceirizado , depois o que eu faço? " . Volto de mãos abanando para a casa dos meus pais me desculpando por terem gasto um dinheiro absurdo em meus estudos e que eu sou uma jornalista mas que meu diploma não vale de nada? É uma pergunta que eu amaria , ou choraria, se tivesse alguma resposta.
Além de todo o dilema familiar e o que crio dentro de mim , tenho que aprender a lidar com questões como: Jornalista não precisa de diploma para exercer a profissão,. O mercado de trabalho está superlotado . Os salários são baixos e trabalha-se demais. Um jornalista não tem tempo suficiente para a família , passa tempos consideráveis  trabalhando , sem contar que até em casa trabalha. A maioria dos profissionais bem colocados são indicados por "fontes influentes". Corre perigo caso a publicação seja polêmica, ou desagrade " certos interesses ". A questão política de cada texto influi se tal será publicado ou não. A maioria dos trabalhos são terceirizados , ou seja , você escreve, compram seu texto e colocam outro nome como autoria...etc. etc. etc.
  Além de uma lista assustadora de problemas o incentivo não é grande , o trabalho além de mal remunerado, hoje, é mal visto e feito por qualquer um: com ou sem diploma. As faculdades , a grande maioria pelo menos, são precárias. Pode ser citada como exemplo a faculdade de Comunicação Social da UFJF : Nem prédio tem, são algumas salas com uma  placa quase que invisível indicando "Comunicação Social" dentro do prédio do curso de Direito!
E meu sonho de infância perambula na minha cabeça forçando-me a apressar uma resposta, algo que defina meu caminho daqui pra frente e me faça focar nas provas para conseguir realizar meu sonho. E deixar de ser tal ...  Mas são tantos problemas, que só faz a pergunta soar constantemente na minha cabeça: - Cursar Jornalismo?

9 COMENTÁRIOS:

  1. Uau, que dilema! Espero que você consiga decidir e realmente seguir seu sonho. Eu também não sei bem o que serei... Eu faço o 9º ano, terminei o primeiro semestre. Eu não sabia que era assim a faculdade de Jornalismo, que tinha isso de com ou sem diploma. Mas de que adianta você ir pra uma faculdade que dá dinheiro e não te dar alegria?
    maravilhosomundodetinta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu tambem fiquei me questionando por algum tempo se o que eu queria era Publicidade, meu pai nunca apoiou muito, mas também nunca bateu de frente comigo. Mas eu pensei, repensei, e decidi que no fim das contas, eu queria faezr uma coisa com áreas de pesquisa. Eu sempre quis desenvolver, criar algo novo. Eu nunca quis ir direto para aqueles cursos consagrados Direito, Medicina, Engenharia Civil... No fim uma das coisas que tem chamado a minh atenção é Engenharia de Alimentos. Acho que perece divertido, tem trabalhos em teste de qualidade, mas acredito que há desenvolvimento e aperfeiçoamento de técnicas. Acho que é uma carreira que eu vou gostar. Não bati um ponto final, ainda não. Mas já estou abrindo o leque de opções e aceitando que publicade não dá...

    ResponderExcluir
  3. Eu escrevi exatamente sobre esse dilema outro dia (http://textosemleitor.blogspot.com.br/2012/06/puxa-uma-cadeira-e-te-senta-vou-falar.html).

    Olha, eu faço jornalismo, mas ainda não trabalho. Mas meio que não trabalho porque não quero tanto isso agora, porque tem muito vaga dando sopa por ae. Quanto a esse negócio de precisar ou não do diploma, acredito que, mesmo que digam que não precise, os jornais (e qualquer outro veículo) que prezam pela qualidade vão exigir o diploma sim, pelo menos é assim aqui no RS.

    Salário baixo no início e a rotina exaustiva que geralmente os iniciantes têm podem parecer que não compensa, mas acho que só com o esforço mesmo e dedicação é que faz com que ganhe reconhecimento com o tempo. Acho que escolher a faculdade pelo rendimento é escolher pelo caminho errado. Se tu sonha em fazer Jornalismo, faça :D

    ResponderExcluir
  4. Assim como a Marina (que comentou por último), te aconselho a fazer o que tu gosta/quer/sonha. Se esse é o caminho que você quer trilhar, pode cair de cabeça sem medo. Em toda e qualquer profissão, valorizada ou não, um bom profissional pode se destacar e crescer em seu meio. Mas aí é que tá: para ser bom, fazer o que se gosta é meio caminho andado. Fazer medicina simplesmente porque dá dinheiro é furada, porque você acaba exausto, esbanjando dinheiro mas sem alegria de viver.
    Enfim, boa sorte com a decisão e com o vestibular. E só para constar, eu também faço jornalismo, e é um curso maravilhoso na minha opinião. (:

    Beijinhos, Mallú
    semclichesporfavor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oie...
    Tudo bom?
    É tão difícil mesmo escolher um curso para prestar vestibular... é a dúvida do ser ou não ser eis a questão... =/

    Adorei seu blog... Já estou seguindo...
    Depois dá uma passadinha no meu para conhecer... Relíquias da Lylu =D
    http://reliquiasdalylu.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Bom, eu, levando em conta os "sonhos" de criança, já quis ser de tudo ... e mesmo "depois de grande" continuei muito confusa, mas isso pq sempre tive afinidade , tanto com humanas, quanto com "biológicas" (exatas como matemática ...não ... haha) , há quem diga que é bom ter afinidade com todas as areas, eu discordo, pois torna bem mais dificil tomar uma decisão ... normalmente quando escolhemos um curso na faculdade, pensamos "é isso que faremos pro resto da vida" , mas na verdade, nunca é tarde pra recomeçar e tentar um novo curso, uma nova vida.

    Bom, quando eu estava no primeiro ano do EM decidi que faria faculdade de Ciências Biológicas, mas ao longo do segundo ano até a inscrição do vest no terceiro ... eu acabei mudando de idéia e me inscrevi para Filosofia - Licenciatura ... cursei um ano ... e desisti ... gosto de filosofia, mas o curso não era bem o que eu esperava e não me via mais sendo professora ... agora estou novamente estudando pro vestibular e já me inscrevi para o curso de ... ENFERMAGEM ... haha, mudança bem radical né ...!

    Mas com isso, eu quis dizer que se há tempos você pensa em Jornalismo, se você realmente se enxerga na profissão, fazendo o que você gosta, tem grandes chances de conseguir um bom emprego e ser feliz =D . Não deixe de pensar se essa é a melhor decisão ... mas também cuidado para não se influenciar pela opinião de familiares ...
    E mais ... toda profissão tem suas dificuldades, nenhuma é um mar de rosas ... o importante mesmo é gostar do que fazemos ... !

    ResponderExcluir
  7. Meu Deus, me empolguei escrevendo e fiz um comentário quase do tamanho do seu post :X , desculpe haha!

    www.moniitorando.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Mar, eu totalmente entendo sua dúvida, também estou cursando o terceirão e pra ser bem sincera não sei como você consegue arranjar tempo para o blog .-. Cada semana eu penso em cursar um curso diferente mas nunca é o certo, nunca tive vocação pra nada como você tem essa inclinação para o Jornalismo então minha situação é pior ainda, mas até o final do ano quem sabe eu não encontro meu curso? E pra você, vai fundo com Jornalismo, sendo bem sucedida ou não é o que você ama e isso ninguém pode mudar.

    ResponderExcluir
  9. Oi Mar!
    Sabe, eu me joguei de cabeça no curso que eu queria, fiz o técnico em biblioteconomia, e me deparei sem emprego. Foi triste, nunca tinha me passado pela cabeça como seria dificil.
    Acho que vc está certa de se perguntar e se questionar, mas se é isso mesmo que vc quer tem que ir em busca.
    Hoje em dia eu tenho emprego e sou muito feliz, tbm não adianta escolher outro curso e não ser feliz.
    Decida certo, siga seu coração!

    Bjinhs*

    ResponderExcluir

Olá, escreva o quanto e o que você puder...

 
Design exclusivo | Cópia proibida © 2016